VOCÊ SABE O QUE É LIDERANÇA ABERTA?

Tempo de leitura: 3 minutos

Você sabe o que é liderança aberta? Num mundo conectado, em que qualquer pessoa pode acessar qualquer site ou rede social a qualquer momento por um smartphone; num contexto em que compartilhar informações é natural, em que há movimentos de código aberto (Open Source Iniciative) e licenças de direitos autorais livres (Creative Commons)…

…como ficam as informações confidenciais corporativas?

…como ficam as proibições de acesso a determinados sites na rede interna?

…como ficam os segredos de negócio?

…será que o esforço para a proteção do conhecimento é válida, considerando a velocidade com que ele se torna obsoleto?

Certamente, esses são questionamentos que muitos líderes antenados com os novos desafios corporativos devem fazer. De acordo com Charlene Li, é necessária uma transformação no papel da liderança, que ela defende em seu livro “Liderança Aberta”. Ela acredita que o líder deve assumir o papel de catalisador que inspira as pessoas a unirem seus esforços para que realizem mais, de forma colaborativa. A autora argumenta que, em uma organização aberta, o líder ainda estabelece os objetivos, a estratégia, a agenda, mas com um compartilhamento de informações mais elevado e um processo distribuído de tomada de decisões. Confira abaixo as diferenças entre a liderança tradicional e a aberta segundo Charlene Li.

 

LÍDER TRADICIONAL

  • Investe tempo limitado pensando em como ser autêntico e transparente
  • Define uma estratégia e mantém o controle ao longo da cadeia de liderança
  • Usa os meios de comunicação para enviar mensagens sobre visão e a estratégia
  • Acredita que a liderança é uma característica rara e preciosa
  • Envolve-se principalmente com o grupo de executivos
  • Desenvolve confiança por meio de transações
  • Controla a informação rigorosamente, pois teme vazamentos
  • Estabelece regras para garantir conformidade e consistência

LÍDER CATALISADOR

  • Gerencia ativamente a autenticidade e a transparência para desenvolver relacionamentos
  • Define uma estratégia e gera compromissos diante de uma visão comum compartilhada
  • Usa as redes para disseminar a visão e a estratégia
  • Acredita que o potencial de liderança reside em cada pessoa
  • Envolve-se em todos os níveis, dentro e fora da organização
  • Inspira confiança por meio do engajamento
  • Desenvolve uma cultura de compartilhamento de informações baseada na confiança
  • Estabelece regras para o enfrentamento de riscos

 

O líder desempenha papel fundamental para a formação de uma cultura colaborativa e voltada a resultados. É essencial que possua uma boa leitura de cenário, empatia e consciência de seu papel no desenvolvimento de pessoas e da organização. Para obter êxito no cenário atual, mais importante que se esforçar para proteger o conhecimento é saber o que compartilhar, para quem, quando e como. E você? É um líder tradicional ou aberto?

 

CAMILA PIRES

Camila Pires, Fundadora da Rede Indigo, é apaixonada por aprender, por empreender e por desenvolver pessoas, equipes e organizações. Ela tem uma formação multidisciplinar que passa por comunicação, gestão do conhecimento, gestão empresarial, coaching, neurociências pedagógicas e inovação. Para saber mais sobre sua formação e experiência profissional, acesse seu perfil no LinkedIn.